quinta-feira, 28 de maio de 2015

terça-feira, 26 de maio de 2015

Até o S.Pedro gosta de mim

Já há muitos anos que não apanhava uma semana de Maio com esta classe!

Sim, estou de fériasssssssssss....


Hoje foi o primeiro dia de beach! Se eu crua já sou um petisco imaginem bem assadinha!!! (direitos de autor da mAna, tá? sorry mAna, roubei-te a deixa, é simplesmente maravilhosa, não resisti!)

Querem uma foto com o pézinho dentro de água, querem, querem???

Só que não!

Agora vou só ali deitar-me que estou que nem posso....

Desejo que apanhem dias tão bons como estes, quando vos calhar a vocês! Estou deliciada!!!


quinta-feira, 21 de maio de 2015

Sou só eu?


De cada vez que escrevo isto:  :P  meto a língua de fora...

I'm not normal, I know....

terça-feira, 12 de maio de 2015

Tenho estado ausente, eu sei....

Mas está tudo bem… (acho eu…)
A Gaja já me deixou e eu tive um bocado de dificuldade em lidar com isso.
Tentei odiá-la, uma vez que ela tinha prazo de validade e hei-de ficar naquela merda ad eternum (tão erudita que estou…)

No fundo, cheguei a odiá-la um bocadinho.
Odiei-a porque ia abandonar-me, largar-me aos bois naquela praça…
Odiei-a por ter a vida inteira pela frente.
Odiei-a por ter uma coragem enorme e ser destemida o suficiente para não se ralar em estar aqui e depois estar ali, se não der que se lixe, parto para a próxima.
Odiei-a  por me ter revisto tanto nela e ter pensado que raio aconteceu em 13 anos (sim, é a nossa diferença de idades). Eu era tão assim… Bola p’ra frente. Sempre bem disposta. Não havia nada que me impedisse de fazer o que me desse na real gana… Depois comecei a trabalhar ali e fui morrendo aos poucos… O pior disto tudo, é que a culpa não é dos idiotas que lá trabalham e mandam. É toda minha, porque deixei-me morrer… Agora quero ressuscitar, mas os médicos estão indecisos se me dão choques para pôr o coração a trabalhar, ou se me desligam as máquinas e fico eternamente neste coma… (oh que dramatismo, mon dieu…)

Por isso, Gaja, vai e vive! Vive por ti e por mim e absorve tudo! Absorve o mais que puderes! Tira milhões de fotos, mas não sem antes tirares com o coração e com o cérebro! (Onde é que eu já li isto???) Tens o mundo à tua espera! Diverte-te muito! Sê responsável. Não te magoes, nem magoes ninguém, mas sê o mais louca que conseguires.

Não acordes um dia com 40 e penses que havia ainda tanto para fazer e tiveste medo…

Dizem que os homens ficam doidos aos 40, eu, como sou um bocadinho homem (temos isso em comum) acho que um dia faço tilt, mando tudo à fava e vou para o outro lado do mundo! :P

Adoro-te, Bicha do Demónio.
Obrigada por teres acordado os meus monstros e teres feito com que os tentasse enfrentar em vez de os trancar no armário.


I feel like i will never see you again, that’s why i did all this hate stuff…. It’s easier to let go someone that we hate, instead of someone that we love…


sexta-feira, 1 de maio de 2015

Feliz Ano Novo Jeremias

Nos últimos 4 anos, celebrava 2 aniversários num só...


Por infortúnio, este ano só celebro 1... Mas é um muito especial. O meu Jeremias, bebé da mãe, faz 9 anos!

Nos primeiros dias na casa nova, eu queria por força que dormisses na tua caminha, mas a caminha dos donos é bem mais quentinha e confortável... Foste entrando devagarinho e ganhaste o teu lugar... Hoje em dia é-me difícil adormecer sem sentir os teus 9kgs de amor nas minhas pernas às vezes em cima das minhas costas.

Não me lembro de uma única coisa que não tenha sido boa em ti desde que me adoptaste...
Às vezes a mãe é chata e não tem paciência, mas tu, com a tua teimosia persistência fazes milagres nas minhas neuras...

O meu colo é o teu lugar preferido do mundo! Apesar de seres um vendido e saltares para o colo de todos os que aparecem aqui em casa...

Nunca pensei poder adorar tanto um monte de pêlo!

Ele já está bem mais magro, sim??? :P

Parabéns a ti também, meu doce. Olha por mim...